Senador eleito no Paraná recusa “auxílio” de R$ 33 mil para mudança para Brasília

O senador eleito pelo Paraná Oriovisto Guimarães (Podemos) divulgou uma nota em que rejeita a ajuda de custo do Senado Federal para a mudança dos senadores. Com o título “Precisamos acabar com muitos privilégios”, a nota tem o seguinte teor: “Hoje tive a desagradável surpresa de saber que o Senado paga a cada senador eleito R$ 33 mil como ajuda de custo no início e no final do mandato. A justificativa para tal benefício seria a mudança do senador para Brasília ou de Brasília para o estado de origem (no final do mandato)”.

“Não usarei o auxílio mudança oferecido pelo Senado para me instalar em Brasília. O Senado calculou um impacto de R$ 3,64 milhões somente para essas ‘ajudas de custo’. Uma das minhas frentes de trabalho em Brasília será exatamente acabar com esses benefícios, que considero escandalosos. O País enfrenta um momento difícil e, por isso, precisamos refletir, pensar que este dinheiro vai fazer falta para a educação, para a saúde, para a segurança pública e para tantas outras carências de nosso povo. Não aceitarei um centavo deste tipo de privilégio. O exemplo é fundamental se quisermos fazer a diferença e lutar pela transformação do nosso País”, argumentou no texto.

Fonte: Paiquerê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *