São José dos Pinhais sediará simulado de febre aftosa

São José dos Pinhais sediará simulado de febre aftosa

O município de São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, sediará entre os dias 11 e 17 de agosto, um simulado em emergência sanitária para atendimento de foco de febre aftosa. Na região existem aproximadamente 740 propriedades com animais susceptíveis à doença.

O simulado faz parte do Plano Hemisférico de Erradicação da Febre Aftosa – Phefa, com a Coordenação Técnica do Comitê Veterinário Permanente do Mercosul (CVP/Mercosul) e Centro Pan-Americano de Febre Aftosa – Panaftosa.

Além do serviço veterinário oficial do Estado do Paraná, que terá participação de 64 fiscais da Agência de Defesa Agropecuária do Paraná – Adapar, o treinamento envolverá 38 servidores estaduais de outras Unidades da Federação, 37 do Ministério da Agricultura – Mapa, 7 da Defesa Civil, 2 da prefeitura de São José dos Pinhais e 12 profissionais de outros países como Argentina, Uruguai, Bolívia, Chile e Paraguai.

O treinamento simulado já foi notificado à OIE, e tem como objetivo praticar em nível regional a capacidade técnica no controle e saneamento de um foco de febre aftosa, abordando a teoria e a prática dos procedimentos de diagnóstico, colheita de amostras, investigação epidemiológica, rastreabilidade, sistema de informação e registro de investigações, medidas de biossegurança, procedimentos de contenção e erradicação, seguindo as diretrizes do Plano Nacional de Contingência para a doença, integrante do Pnefa.

Segunda a nota da OIE, para o Brasil e para os países participantes, este treinamento é uma grande oportunidade fortalecimento das habilidades de cooperação e resposta dentro de um território que tem um status livre de febre aftosa.

Na semana passada, dias 25 e 26, em Curitiba, foi realizado um simulado de gabinete com profissionais da Defesa Civil do Estado, da Adapar e do Mapa, preparatória para os ajustes necessários à realização do simulado.

Fonte: Adapar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *