OCORRÊNCIAS DA POLICIA MILITAR DE CORNÉLIO PROCÓPIO E DA REGIÃO DO DIAS 03-04-OUTUBRO

OCORRÊNCIAS DA POLICIA MILITAR DE CORNÉLIO PROCÓPIO E DA REGIÃO DO DIAS 03-04-OUTUBRO

ANDIRÁ: TRÁFICO DE DROGAS

 

 

Às 20h58min após receber a denúncia de que na Rua Cambuci alguns adolescentes estariam realizando o tráfico de entorpecente a equipe PM saiu em patrulhamento obtendo êxito em visualizar um jovem em atitude suspeita que acabou seno abordado. Com ele fora localizada uma porção de maconha, uma nota de cinco reais e ainda apreendido seu aparelho celular. Embora a quantidade de troca seja relativamente pequena o adolescente de 17 anos relatou já ter sido cometido outros atos infracionais. Diante do exposto foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil para os devidos procedimentos.

ASSAÍ: VIAS DE FATOS

Às 20h a equipe PM foi acionada na Rua Coronel José Sheleder onde o solicitante relatou que fora agredido verbalmente e ameaçado pelo pai que se encontrava embriagado e que para se defender acabou agredindo o noticiado com um rodinho. O relato foi confirmado pela irmã do noticiante. Diante disso, as partes foram conduzidas à Sede da 3ª Cia PM para os devidos procedimentos.

CORNÉLIO PROCÓPIO: PERTURBAÇÃO DO TRABALHO OU SOSSEGO ALHEIO

 

Às 15h40min a equipe PM foi acionada na Rua Gralha Azul onde o solicitante, idoso de 80 anos informou que reside no mesmo quintal que o filho caçula que, por sua vez, vive constantemente embriagado e que perturba não apenas o noticiante como outros vizinhos, sendo que nesta data outra filha do noticiante precisou deslocar da cidade de Londrina para acompanhá-lo nessa situação. Assim, as partes foram conduzidas para lavratura do Termo Circunstanciado.

CORNÉLIO PROCÓPIO: COMUNICAÇÃO FALSA DE CRIME

OU CONTRAVENÇÃO

 

Às 21h30min a Central Telefônica recebeu uma ligação mediante a qual o solicitante pediu por ajuda emergencial uma vez que estaria sendo gravemente ameaçado pelo irmão que estava em posse de uma faca. De imediato as equipes de plantão, assim como SAMU e SIATE foram despachadas para a Rua José Licorini, porém ao chegar ao local não foi constado o teor da solicitação, apenas que o solicitante deixava a residência com uma mala. Indagado sobre o ocorrido, disse apenas que gostaria de um apoio policial a fim de deixar a residência em paz, uma vez que tivera desentendimento com o irmão. Desse modo, o noticiante foi encaminhado para Lavratura do Termo por Comunicação Falsa de Crime.

FONTE : PMPR – 2º CRPM – 18º BPM – P/5

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *