Em Cornélio Procópio, vereadores trabalham para mudar ponto de ônibus campeão em atropelamentos

No local, a circular é obrigada a parar no meio da rua,  impedindo o trânsito em uma das avenidas mais movimentadas da cidade.

Os vereadores Raphael Sampaio e Fernando Pepes , estão propondo um pedido de indicação para a alterar a localização do ponto de ônibus da Avenida Marechal Deodoro, para a rua dos  Ferroviários , em frente o Museu de Taxidermia.

Os vereadores entendem que a mudança poderá melhorar o fluxo de trânsito na Avenida Marechal, evitar acidentes e proporcionar conforto aos usuários, de uma vez que a área pretendida para a alteração,  já conta com a cobertura.

A Rua dos Ferroviários está sendo observada pois é pouco movimentada e os vereadores acreditam que a mudança do ponto possa revitalizar a área. “É óbvio que, para permitir a passagem da circular naquela rua, precisamos fazer várias mudanças,  principalmente em relação aos estacionamentos, sentido de tráfego e é claro, um bom recape asfáltico.” Acrescentou Raphael Sampaio.

O ponto de ônibus mencionado como problemático pelos vereadores, está localizado exatamente na esquina da Avenida Marechal Deodoro com a rua Massud Amin, (foto). No local, existem placas proibindo a parada de veículos, portanto, tecnicamente a circular para, está infringindo a lei.  “Do jeito como está, o ônibus é obrigado a parar no meio da rua, impedindo o trânsito. A parada do ônibus em horário de pico,  proporciona transtornos e até acidentes ”. Explicou Fernando.

Outro fator preocupante é que, o local registra o maior índice de atropelamentos envolvendo motociclistas e idosos da cidade.

Em conversa com alguns comerciantes da região citada, praticamente todos eles concordaram com a mudança, porém, acham que só poderá dar certo se a prefeitura efetuar as modificações necessárias na rua dos Ferroviários, inclusive rampa de acesso para evitar as escadarias.

Qual a sua opinião sobre a proposta?

Fonte: Blog Odair Matias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *